Publicado por: pongpesca | 2015/02/05

Dois filmes portugueses no Festival de Cinema de Berlim

73224990_770x433_acf_cropped-770x433
Vidas de pescadores nos Açores e uma antiga fábrica de cartuchos de pólvora macaenese vão estar presentes no 65.ª edição do Festival de Cinema de Berlim.
A 65.ª edição do Festival de Cinema de Berlim começa esta quinta-feira.
Os documentários “Rabo de Peixe”, de Joaquim Pinto e Nuno Leonel, e “Iec Long”, de João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata, fazem parte da programação do Festival de Cinema de Berlim, que tem início esta quinta-feira.
Os dois filmes foram selecionados para a secção Fórum do festival alemão, dedicada a ensaios visuais e a obras mais experimentais, vanguardistas, seja em ficção ou documentário.
“Rabo de peixe” terá a primeira exibição no dia 07 e “Iec Long” no dia 10.
Joaquim Pinto e Nuno Leonel, autores do premiado “E agora? Lembra-me”, apresentam em Berlim uma nova montagem de um documentário rodado entre 1999 e 2003 em São Miguel, Açores, sobre uma comunidade ligada à pesca artesanal e sobre a relação dos pescadores com o mar e a morte.

Ver artigo completo aqui

Fonte: Observador – 5 de fevereiro 2015


Responses

  1. Eh, eh, eh quem foi o autor desta notícia? 🙂 bjnhs

    Date: Thu, 5 Feb 2015 09:49:38 +0000 To: abreu_lena@hotmail.com


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: