Publicado por: pongpesca | 2018/11/12

Pescas e políticas do mar, problemas com história

“Apesar do aparente favor da geografia e embora se admita que o peso da economia do mar possa crescer no conjunto da economia portuguesa, não há razões para prever um crescimento relativo da pesca na economia.
A pesca portuguesa continua a ser uma das mais diversificadas da União Europeia. Variedade das frotas e das espécies capturadas, comunidades muito dependentes da produção primária e uma descoberta recente, associada ao turismo, das vantagens singulares do peixe fresco.
A persistência de elevados níveis de consumo no mercado interno é o traço mais saliente da pesca portuguesa, uma força e uma fraqueza.”

Ver artigo completo aqui.

Fonte: Jornal Económico, 2 de novembro de 2018


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: